Herança Celestial

“Porque o Senhor corrige o que ama, e açoita a qualquer que recebe por filho” – Hebreus 12:6.
A partir do momento em que nos tornamos cristãos, não mais pertencemos a nós mesmos, mas, pertencemos Aquele a quem nos entregamos – Jesus Cristo – afinal, Ele nos comprou por grande preço, não através de coisas corruptíveis como ouro ou prata, mas, pelo Seu precioso sangue. Assim afirma o apóstolo Pedro em 1 Pedro 1:18-19.

Ainda que vivendo nesse mundo, somos por Ele separados – santificados – e nesse processo é que voluntariamente podemos servi-Lo ou INvoluntariamente passarmos por correções e açoites a fim de que este processo – de santificação – se concretize em nossas vidas.

Este “involuntariamente” significa que podemos sofrer coisas ao longo de nossas vidas de cristão que nada mais são do que as correções e os açoites de Deus se manifestando para que sejamos por Ele recebidos num estado de santificação a fim de cumprir os Seus propósitos e não os nossos.

Um bom exemplo de correção podemos encontrar na vida do profeta Jonas. O Senhor lhe dá uma instrução clara e objetiva – ir a Nínive e pregar arrependimento. Ele, por sua vez resolve descumprir totalmente a orientação divina, então, primeiramente o Senhor envia uma grande tempestade que quase põe o navio que o fugitivo se encontrava a pique. Os marinheiros assustados percebem que aquilo está além da naturalidade e interpela a Jonas que admite a culpa, rogando-lhes que o joguem ao mar e que se assim fosse tudo voltaria ao normal. De fato a tempestade acalmou após ele ser lançado ao mar, todavia, sua provação continuaria ao ser engolido por um grande peixe.

Por três dias e três noites ele permanece vivo e consciente dentro do ventre do grande peixe, até que busca ao Senhor em oração. O Senhor ouviu sua oração e dá instrução ao peixe que o vomite na praia. Em seguida, depois desta correção e disciplina, Jonas vai cumprir a vontade do Senhor.

Não vamos nem entrar no detalhe sobre o que significa permanecer três dias no estomago de um grande peixe desfrutando dos fluídos ali presentes, mas, era preciso aplicar a correção e o açoite para corrigir a trajetória de um filho de Deus.

Assim, como estamos num processo de santificação por parte de Jesus, que Se entregou a Si mesmo para nos SANTIFICAR, purificando-nos com a lavagem da água, pela palavra, para nos apresentar a Si mesmo Igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas, SANTA e IRREPREENSÍVEL, estamos envolvidos nesse processo que – se necessário for – seremos pelo Senhor corrigidos; e se não atentarmos para a correção, então, igualmente seremos açoitados. (Efésios 5:25-27).

Reflita: Será que o momento difícil que talvez estejamos passando não se trata da correção e do açoite do Senhor nesse Seu processo de santificação para conosco?

Mas, nos alegremos, pois, isso só acontece com os que Ele recebeu por filho e a herança que nos está proposta é imensamente maior do que qualquer correção e qualquer açoite que venha da parte dEle para nós! Aleluia!

por Vilson Ferro Martins – www.vozdotrono.com.br

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail