Paparicando tralhas!

“PORTANTO nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta” – Hebreus 12:1.
Deixar todo embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia é a diretiva para correr a corrida que nos está proposta.

Quando fazemos uma mudança de uma residência para outra, nos surpreendemos com a quantidade de tralha que vamos acumulando ao decorrer do tempo, e na mudança isso se evidencia de tal modo que as vezes ficamos até surpresos. Muita dessa “tralha” é necessário se livrar a fim de não ficar acumulando algo que só toma espaço e não contribui para nosso bem.

São coisas que ao longo do tempo adquirimos e que pensávamos ser de bom uso, todavia, agora ocupam espaços importantes, todavia, sem utilidade.

Em nossa vida cristã, alguns aspectos se assemelham a isso. Nós, que nos tornamos filhos de Deus passamos por um processo de mudança – da velha vida pecaminosa para a nova vida em Cristo, portanto, é comum termos muitas coisas que ao longo de nossa caminhada na vida fomos adquirindo e que achávamos ser importante, todavia, não passam de coisas obsoletas e perniciosas, as quais o melhor mesmo é ser lançadas fora e afim de nos aliviar para que possamos CORRER.

Alguns há que com muita dificuldade mudam seus passos na vida cristã, todavia, talvez a razão seja que ainda se encontram “carregadas” pelas tralhas do pecado, assim, não conseguem correr a carreira que lhes está proposta pelo Senhor. Ao invés de correr, se arrastam e se tornam frustrados porque não alcançam objetivos.

Aquele que entende TUDO de ser humano já afirmou que é preciso ABANDONAR DE VEZ “TODO” embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia. Logo, quem não se submete a essa diretriz NÃO CORRERÁ com paciência a sua carreira.

A proposta divina é que CORRAMOS e não que juntemos tralhas, pois quem paparica suas tralhas, dificilmente sai do lugar.

Por Pr. Vilson Ferro Martins
Fonte: www.vozdotrono.com.br

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail