O décimo-segundo homem

“…corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta.” (Hebreus 12:1)

No estádio de futebol de uma universidade americana há uma placa que diz: “LAR DO 12.º HOMEM”. Embora cada time possa ter 11 jogadores em campo, o 12.º homem representa a presença de milhares de alunos que ficam de pé durante o jogo todo, para incentivar o seu time. Essa tradição remonta a 1922, quando o técnico, de então, chamou um aluno da arquibancada para vestir-se e estar pronto para substituir um jogador machucado. Embora ele nunca tenha entrado no jogo, sua presença na lateral do campo incentivou fortemente o time.

Hebreus 11 descreve os heróis da fé que enfrentaram enormes provações e permaneceram leais a Deus. No capítulo 12:1 lemos: “Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunhas, desembaraçando-nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia, corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta.”

Não estamos sós em nossa jornada de fé. Os grandes santos e pessoas comuns que foram fiéis ao Senhor nos encorajam com seu exemplo e também por estarem presentes no céu. E temos Jesus como nosso “torcedor” divino nos encorajando enquanto permanecemos em campo defendendo a Sua causa. Ao fixarmos nossos olhos em Jesus, “…o Autor e Consumador da fé…” (12:2), somos encorajados pelo exemplo de todos aqueles que o seguiram.

A vida dos cristãos fiéis do passado nos servem de inspiração para seguirmos a Cristo hoje.

— David C. McCasland

Fonte: Ministério Pão Diário

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail