Ator de cinema americano testemunha sua fé em filme: “Para mim, é Jesus… Realmente há redenção nele”

O ator norte-americano Dennis Quaid, famoso por estrelar filmes milionários no cinema como “Além da Escuridão”, “Legião” e “Os seus, os meus e os nossos”, comentou recentemente sobre o seu novo papel no filme “Eu Só Posso Imaginar”, que estreará no Brasil no próximo dia 29 de março.
O filme conta a história de Bart Millard, vocalista da banda MercyMe. Ele foi o autor de uma das canções mais marcantes da música gospel americana, traduzida para vários idiomas no mundo inteiro, chamada “I Can Only Imagine”.

A influência da música gospel norte-americana atinge também o Brasil, especialmente através dos tradicionais hinários, mas foi nos Estados Unidos que a história de Bart Millard ganhou mais destaque, devido sua relação conflituosa com o pai na infância. Após se converter, foi através da música que Millard conseguiu melhor seu convívio com o pai, encontrando em Deus a fé e a compreensão do perdão.

Dennis Quaid, então, interpretará o papel de Arthur Millard, justamente o pai de Bart. Comentando sobre essa experiência, ele contou um pouco da sua história:

“Eu cresci na Igreja Batista, fui à escola dominical e fui batizado quando tinha 9 anos. Eu leio a Bíblia de capa a capa”, disse o ator, segundo informações do site Faithwire. Quaid disse que iniciou uma busca pessoal por Deus, procurando mais intimidade com o criador, foi quando reconheceu que “Jesus… Realmente há redenção nele”.

Falando sobre o desafio de interpretar o pai de Millard, o ator disse que “tudo é sobre o impacto da redenção. É o fato de que se o Evangelho pode mudar esse cara, ele pode mudar qualquer um”, contou.

Outros nomes de peso como J. Michael Finley, o filme também contará com a presença de Madeline Carroll, Cloris Leachman, Trace Adkins e Rhoda Griffis.

Fonte: Notícias Gospel +

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail